‘Não vou parar’, diz idosa que revisa conteúdos para fazer Enem pela 8ª vez

img_6942Mais de 2 mil alunos participaram na manhã deste domingo (4) da quinta revisão geral para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) realizada pela Secretaria Estadual de Educação (Seduc). Entre eles estava a idosa de 77 anos, Osmarina Duarte de Sousa, que tenta pela oitava vez uma vaga no ensino superior. Desistir? “Nunca”, disse ela.

“Posso chegar aos 90 anos tentando uma vaga, mas não vou parar. Não importa a quantidade de vezes. Seja a oitava, nona, décima ou centésima vez. Desistir nunca. Enquanto eu não passar com nota 10, eu não deixo de fazer o Enem. Eu vou tentar sempre, até passar”, disse.

Ano passado ela chegou a prestar o vestibular para Geografia, mas não conseguiu. Mesmo assim, a aposentada que mora no bairro Deus Quer, Zona Sudeste da capital piauiense, não desanimou.

De volta à escola Machado de Assis, no bairro Dirceu, ela retomou os estudos e promete mais uma vez enfrentar a maratona de provas do exame.

Druante a revisão, ela acompanhou atenta às explicações dos professores das disciplinas de matemática, física, linguagens e redação, que se revezaram durante o evento que durou mais de 5 horas.

“Assisto às aulas de segunda a sexta. Deixo tudo em casa para ir estudar. Não importa, quando eu voltar da escola eu faço tudo que ficou em casa para fazer, e depois volto a ler. Continuo com o mesmo sonho de passar para geografia”, disse.

Diferente da idosa que tenta pela oitava vez, quem estreia este ano no exame é o estudante de 17 anos, Danilo e Silva Araújo, que mora no bairro São Cristóvão, na Zona Leste da capital, e estuda na Unidade Escolar Raimundo Portela. Ele contou que tira 2 horas por dia para poder estudar para o exame.

“O medo da prova todo mundo tem, mas tento manter a concentração durante os estudos. É um momento importante na nossa vida. É preciso saber a escolha certa porque é do nosso futuro que estamos tratando. Pretendo fazer para Ciência da Computação, que é uma área que me identifico. Por isso, estou focando mais nas disciplinas de exatas”, disse.

Conforme o coordenador da revisão, Wellington Soares, a revisão é o momento em que os candidatos têm para tirar dúvidas e encontrar saídas para o melhor desempenho no Enem. Na edição deste domingo (4), o órgão de educação do estado reuniu mais de 2 mil alunos em um auditório de uma casa de shows da Zona Leste de Teresina.

“Recaptular alguns conteúdos que eles costumam ver ao longo da vida escolar, sobretudo no ensino médio. A ideia é dar dicas e principalmente chamar atenção para a leitura e compreensão dos enunciados das questões, uma vez que o Enem é um vestibular inovador, que não prima pela decoreba, mas pelo raciocínio”, disse.

Alunos das cidades de Água Branca, Lagoa Alegre, Pau d’Arco e Teresina participaram da revisão. Mais dois encontros estão previstos para acontecer. A sexta revisão deve ser realizada no dia 16 de outubro e a última acontece no dia 3 de novembro, dois dias antes da prova.

Fonte: G1

Anúncios

About Celso Jacob

Economista, professor e político, Celso Jacob. Sejam todos bem-vindos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: